Instruções para realizar o download

Thaïs Bezerra.

Com sua conhecida coragem para falar em público o que a maior parte das pessoas costuma conversar em reservado, Benjamin Teixeira de Aguiar explodiu indignação, no domingo passado, tratando das charges de desrespeito a religiões e grupos minoritários, veiculadas pela revista francesa Charlie Hebdo. Antes disso, fez detalhada exposição de motivos para abominarmos atos de terrorismo. A certa altura, aplausos calorosos eclodiram no auditório, como eco de concordância ao palestrante, partindo da desembargadora do TJ-SE Iolanda Guimarães, no que foi acompanhada por outras autoridades do mundo do Direito que estavam presentes, como a professora Ph.D. Daniela Costa, e pela multidão de trezentas pessoas que comparecem todos os domingos, no Iate Clube de Aracaju. Na mesma noite, o líder espiritual e médium recebeu recados espirituais para a odontóloga Maisa Marante e a empresária Liza Pimentel, ao vivo, diante da plateia. Reproduzindo o que lhe ditava o Espírito Eugênia-Aspásia, era de impressionar quantos detalhes miúdos eram revelados e confirmados pelas destinatárias, vários deles começando com um “hoje mesmo, em suas preces…” Disse-me Maisa Marante: “Não só os dados estavam exatos, como até palavras que utilizei intimamente foram explicitadas pela Mestra, por meio de Benjamin”. Os dois trechos da palestra estão publicados, em separado, em saltoquantico.com.br.