pelo espírito Eugênia.

Deus ama você, ampara-o(a) e o(a) conduz, como se você fosse a única criatura em todo o universo. Se você acha que isto não seria possível, por haver uma quantidade exponencial de criaturas para o Criador dar atenção, está supondo haver limites no Que não tem limites. Deus, assim, o Ser Supremo, ama-o(a) infinitamente.

Deus está mais próximo de você que sua própria respiração, mais perto de você que seus mais secretos pensamentos, mais aprochegado a seu coração que seus sentimentos mais íntimos. Converse com Ele-Ela, confie-se a Ele-Ela, habitue-se a trazer a idéia do convívio com o Amor Absoluto e a Inteligência Perfeita para o seu dia-a-dia.

Tudo vai acabar bem, tudo já está se encaminhando para melhor. Você só precisa se esforçar por não atrapalhar os desígnios d’Ele-Ela, e empenhar-se por Lhe ouvir a Voz, na câmara secreta da própria consciência, em vibrações de paz, ideal e felicidade – a felicidade dos “eleitos” (eleitos auto-elegidos na determinação de perseguirem a excelência espiritual), de estarem sempre cumprindo a Vontade Máxima do Cosmo, a vontade que sempre indica sua verdadeira e completa felicidade.

(Texto psicografado por Benjamin Teixeira, em 21 de março de 2006. Revisão de Delano Mothé.)