out
04
2012

Mãos Dadas.

http://sq.imagens.s3.amazonaws.com/1210-Outubro/Maosdadas.jpg

“Quem pode, de sã consciência, dispensar o socorro das egrégoras constituídas em nosso ambiente, quando nos congregamos a orar e a receber os eflúvios salvadores de Nossa Mãe Santíssima? Quem, conscientemente, pode se dizer sem necessidade de receber o auxílio da Espiritualidade Sublime, a Quem servimos? Vamos nos unir, em feixe de varas, como dito por nosso mestre Paulo de Tarso – tenho reiterado, ultimamente, muito, esta assertiva paulina –, porque, unidos, somos mais fortes e, eventualmente, fazemo-nos inquebrantáveis”¹.

Por Fábio Aragão.

Pedir ajuda é colocar-se na rota do acerto, por mais difícil que seja para o orgulho. Necessário se faz admitir que muitas vezes não somos capazes de resolver nossos problemas. Socorrer alguém implica reconhecer e expor fragilidades (as próprias e as do outro), algo terrível para o ego.

Quando vencemos o impulso da reserva e nos abrimos em busca de ajuda, Deus e seus Emissários reconhecem a nossa vontade e esforço, e enviando-nos os recursos necessários, que dependiam da nossa autorização, receptividade e decisão, já que a Divindade não viola o livre-arbítrio de ninguém.

A pessoa realmente madura reconhece que Deus nunca nos desampara e sempre coloca ao nosso redor pessoas abalizadas a prestar-nos o auxílio de que carecemos.

Jesus, o grande Mestre, cercou-se de doze discípulos para “ajudá-l’O” em sua missão na Terra.

E você ainda pensa que sozinho(a) pode resolver todas as suas pendências!

Acerque-se de pessoas de confiança que possam secundá-lo(a), consulte especialistas em áreas que não são do seu conhecimento, medite, ore, peça socorro. Qual o problema nisso? Lembre-se de que o Cristo Jesus escolheu seus apóstolos, dentre aqueles capazes e dispostos a servir.

Quem é realmente consciente reconhece suas limitações e procura meios e mecanismos para superá-las progressivamente, ou, ao menos, contorná-las, até que possam então ser corrigidas.

¹ “Salvando a Si Mesmo e aos Amados.” Benjamin Teixeira de Aguiar pelo Espírito Eugênia. Disponível no site do Instituto Salto Quântico.

Written by in: Fábio Aragão |

3 Comentários »

RSS feed for comments on this post.


Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.

Powered by WordPress