Banners de sabedoria

2 de dezembro de 2019
 

Culpa e libertação

culpa e libertação

Não se enquiste nos complexos de culpa. De reversa maneira, liberte-se na consciência da própria falibilidade humana, aplicada no espírito de disciplina e no foco do trabalho em benefício de seus irmãos e irmãs em humanidade.

Que haja contrição, que haja contristação até, mas que haja, primacialmente, a busca da conversão da dor da culpa em motor de ação nos campos de dever que lhe são assinalados pela consciência, com a vigilância acentuada para as brechas já reconhecidas que lhe sabotam o “organismo” da dinâmica resolutiva em servir ao bem comum.

Eugênia-Aspásia (Espírito)
Benjamin Teixeira de Aguiar (médium)
23 de outubro de 2019




Cadastre-se e receba mensagens por e-mail: