Espírito Matheus-Anacleto

28 de novembro de 2017
 

Sofrimento inarredável

Sofrimento inarredavel

Abraça, prezado(a) amigo(a), o que te foi designado, por Deus, como quota de sofrimento inarredável.

Saberás que se trata dessa ordem de vicissitude inapelável, quando a ela estiverem atrelados, de modo indissociável e indissolúvel, deveres morais graves que a consciência te aponta como essenciais, inegociáveis…

Nem toda dor pode ter alívio imediato, e amiúde encontrarás, em tua jornada existencial, dores que se casam com sagrados apelos do coração, como os do Ideal ou os concernentes a afetos que te constituem responsabilidade pessoal, ante os Tribunais do Céu.

Cuidado com o imediatismo escapista e o hedonismo irresponsável de quem foge do que lhe compete. Não te permitas ser contado(a) entre aqueles(as) que desertam no campo do Espírito. Escolhe o alinhamento com os(as) que preferem o automartírio à negligência no capítulo do fundamental.

Matheus-Anacleto (Espírito)
Benjamin Teixeira de Aguiar (médium)
Aracaju, 16 de agosto de 2017




Cadastre-se e receba mensagens por e-mail: