A “Blonde Venus” sergipana Thaïs Bezerra

18 de maio de 2017
 

Centenário da 1ª Aparição de Maria Santíssima na cidade portuguesa de Fátima

Thaïs Bezerra

Palavras de meu guru iluminado, irmão desta e de outras vidas, Benjamin Teixeira de Aguiar:
“Neste sábado, 13 de maio, celebramos o centenário da 1ª Aparição de Maria Santíssima na cidade portuguesa de Fátima, cidade assim nominada em homenagem a uma reverenciada figura do Islã, filha do profeta Maomé – uma clara sinalização celeste quanto à missão de integração de todos os povos e civilizações da Terra, assumida pela Mãe de Jesus e de todos(as) nós, a Representante da Face Maternal de Deus para nosso planeta. Momento sagrado e especial para refletirmos em torno da qualidade de nossos laços com o aspecto Misericórdia e Bondade Infinitas da Divindade.” Na ilustração, as santas videntes Lúcia dos Santos e Bernadette Soubirous – a primeira, uma das três crianças pastorinhas que viram Nossa Senhora em Fátima; a segunda, aquela que viu Maria de Nazaré em Lourdes, França, e que foi revelada como a última encarnação da Mestra Espiritual Eugênia-Aspásia, Guia de Benjamin e da Organização-Movimento que ele lidera.

Nota publicada pela jornalista e colunista Thaïs Bezerra, em sua revista semanal no Jornal da Cidade, edição de 14/05/2017

Salvar




Cadastre-se e receba mensagens por e-mail: