Espírito Eugênia-Aspásia

26 de fevereiro de 2013
 

No calor da crise

http://sq.imagens.s3.amazonaws.com/1302-Fevereiro/No-Calor-da-Crise.jpg

Benjamin Teixeira de Aguiar
pelo Espírito Eugênia.

Querem calar sua voz compassiva e esclarecedora. Ore, compreenda, defenda-se, se necessário; no entanto, não detenha, jamais, seu verbo libertador de consciências. Por uma razão: não é seu, mas provém de Cima, de Altiplanos da Espiritualidade Excelsa.

Pretendem paralisar-lhe os braços, nas iniciativas nobres de que se faz canal do Céu, a serviço dos sofredores na Terra. Suporte o ataque, desvie-se dos golpes, responda quando imprescindível; contudo, nunca permita que as forças contrárias ao Bem anestesiem-lhe as mãos e o cérebro empenhados no bem comum.

Ademais, entenda tal ordem de padecimento psicomoral como perfeitamente normal e mesmo esperável, em considerando sua condição de tarefeiro(a) da Luz, no mundo sombrio e perverso, em vários sentidos, que o plano físico do planeta ainda constitui, inobstante o progresso do humanismo nas instituições terrícolas nos últimos séculos.

Por fim, esteja cônscio(a) de que as crises passam e de que o socorro e o suprimento de energia, inspiração, recursos e soluções, oriundos das Faixas da Sabedoria, sempre comparecem, ao tempo e do modo apropriados às necessidades reais de aprendizado e crescimento de todos os envolvidos – inclusive você mesmo(a) – nas questões a que ora esteja enlaçado(a), desde que seja persistente no cumprimento do próprio dever.

(Texto recebido em 21 fevereiro de 2013.)




Cadastre-se e receba mensagens por e-mail: