A “Blonde Venus” sergipana Thaïs Bezerra

24 de fevereiro de 2011
 

Só Mesmo Maria Santíssima…

[A “Blonde Venus” sergipana Thaïs Bezerra (*)]

Um caso grave de “dispneia congênita”, dificilmente curável antes dos cinco anos de idade, ponto em que as crises “apenas começam a espaçar”, no parecer da Dra. Ana Cristina Sá, Clínica Geral com 25 anos(!) de prática médica, foi curado em apenas duas semanas, após uma carta de pedido a Nossa Senhora por essa cura, no último Evento Maria Cristo 2010, em que, conforme diz o pessoal do Instituto Salto Quântico, “Maria Santíssima desceu sobre Aracaju e ouviu todas as preces que Lhe foram endereçadas, prometendo respondê-las no espaço de um ano, embora não necessariamente conforme as expectativas dos pedintes, nem sempre as melhores para o bem deles mesmos.” Um vídeo impressionante (com apenas sete minutos), relatando o caso, com fotos da criança, testemunho da mãe e o parecer da médica que acompanhou o caso, está exposto agora na interface do: saltoquantico.com.br

http://www.saltoquantico.com.br/wp-content/uploads/Thais_BT165.jpg

O “Jornal da Cidade” tem exatamente minha idade: 40 anos. Sou suspeito a falar dele, porque, além do prestígio notório de que desfruta no Estado, como Órgão tradicional e respeitabilíssimo da imprensa local, traz, em seu bojo, nas publicações de Domingo, a Revista da lenda viva do colunismo social sergipano, Thaïs Bezerra, por quem tenho enorme estima e a quem vejo como profissional ímpar da área, além de canal místico do inconsciente coletivo da capital.

(Notas publicadas no Jornal da Cidade, Aracaju/SE, em 20 de fevereiro de 2011.)


(*) Remetendo a outro ícone imortal e emblemático, Marlene Dietrich, musa-deusa do cinema antigo, é assim que é conhecida a ultraprestigiada jornalista, lenda viva do colunismo social sergipano: Thaïs Bezerra, com inacreditáveis 31 anos de carreira, geminados (ninguém sabe como) a um corpo-escultura de adolescente. Políticos, empresários, acadêmicos, VIP’s de todas as categorias reverenciam a poderosíssima “Blonde”, que passa incólume a todas as crises, sempre irradiando alegria, otimismo e fé. Como diz nosso líder, canal do Espírito Eugênia, Benjamin Teixeira: “Médium mística do inconsciente coletivo de Aracaju, Thaïs é uma prova viva de como se pode ser canal do bem em qualquer latitude profissional, encarnação rara de lealdade aos amigos e de determinação pessoal inamovível”. Thaïs publica, desde 2005, semanalmente, notas sobre o Instituto Salto Quântico. Aqui passarão elas a ser também trazidas a lume, para que o Brasil e o mundo conheçam a mulher que mudou a face social e emocional da capital de Sergipe d’El Rey, “Coração do Coração do Mundo”, com seu famoso jargão: “Aju é um baile, com chuva ou com sol”.




Cadastre-se e receba mensagens por e-mail: