Espírito Eugênia-Aspásia

3 de dezembro de 2010
 

Como se Garantir Vinculado(a) ao Instituto Salto Quântico e às suas Cascatas Espetaculares de Bênçãos e Graças, a “Casa Onde Todos os Impossíveis Acontecem”, por Mercê da Mãe Planetária, Maria de Nazaré.

Benjamin de Aguiar
pelo
Espírito Eugênia.

Perguntaram ao nosso Grupo de Benfeitores Desencarnados, com muita sinceridade e fervor, o que fazer para manter sintonia com nossa Casa de Pensamento Espiritual-Cristão. E, em poucas palavras, em tópicos simples, para facilmente serem absorvidos e fixados, enfeixamo-los abaixo (embora não perfaçam eles a totalidade dos itens, mas tão só os essenciais):

1) Ler, ver e/ou ouvir as mensagens do site, diariamente (em dias comerciais, quando são trazidas a lume) ou em períodos ao critério da pessoa mas que se acessem todas as postagens. Por exemplo: de dois em dois dias, ler os textos ou assistir aos vídeos-áudios ainda não acessados neste período dos dois últimos dias; ou, semanalmente, estudar tudo o que foi publicado durante a semana.

2) Assistir à palestra semanal domingueira da Casa, por meio da qual os tópicos mais importantes da principiologia de nossa Escola de Pensamento são plasmados, divulgados e esmiuçados, qual se ocorresse um curso a longuíssimo prazo ou, n’outra forma apropriada de se interpretar, um tratamento permanente de desligamento de fios mentais perturbadores, produzidos por energias e padrões mentais (de encarnados e desencarnados) contrários à nossa Faixa de Consciência – que, por aqui, denominamos de “A Escola da Sabedoria”, enquanto vocês, por aí, chamam “A Escola da Felicidade” (o que redunda em mais ou menos a mesma coisa). As palestras semanais são gratuitas, para os que dela participam presencialmente. Os que estão distanciados de nosso “QG” (risos), em Aracaju, podem tudo acompanhar pela internet, por transmissão de áudio ou vídeo – mediante a contribuição de valores simbólicos, que garantem a manutenção dos equipamentos para esta exibição à distância. Mas há um alerta: estar em Aracaju e não ir pessoalmente (o que é deveras estranho: quem está na capital sergipana adentra gratuitamente nosso salão de conferências – atualmente no Iate Clube, às 19h – e recebe as Irradiações e Bênçãos diretas de Maria Santíssima!) indica uma reserva ou mesmo repúdio (ainda que sutil – será que tão sutil assim?…) para com as Forças e Agentes psíquicos da Mente Coletiva da Organização e mesmo dos Mestres Espirituais ou da Própria Mãe Planetária, Maria de Nazaré, constituindo, dessarte, um índice significativo (em que pesem as racionalizações diversas para se justificar o contrário) de perda de sintonia com a Instituição e Sua, como chamam alguns autores, “Superalma” ou, como diríamos, Nosso “Inconsciente Coletivo Organizacional”.

3) Acompanhar os programas de TV realizados por nossa Casa. Quando não se puder assistir aos episódios no horário da transmissão matriz, existe a disponibilização do conteúdo, na íntegra, em nosso site, geralmente às segundas-feiras. Logo, é possível a qualquer um assistir, semanalmente, a esta produção. Alguns supõem que, por comparecerem às palestras, estão isentados de assistir aos programas. Discordamos. São abordagens completamente distintas, e, conquanto apresentem um tom mais propedêutico e genérico (pela heterogeneidade do público a que se dirigem), os programas trazem uma série de conceitos novos e insights particularíssimos, que não são necessariamente ventilados, a posteriori, nas preleções públicas dos domingos.

4) Realização de Cultos Diários do Evangelho. Esta é uma das marcas registradas de nossa Instituição: um signo de como somos antiobsessivos (ou antidiabólicos, para os que preferirem uma linguagem clássica cristã) e de como temos um sério compromisso com o alinhamento com o Plano Sublime de Consciência. O meio espírita convencional, por exemplo, pede que se faça o Culto, em família, uma vez por semana. Por nossa vez, solicitamos que, ainda que sozinho, o indivíduo faça o seu Culto di-a-ria-men-te(!), à meia-voz e em horário pré-estabelecido, para que, respectivamente, seja ouvido pelas inteligências desencarnadas que o acompanhem (aquelas sem condições de escutar telepaticamente o pensamento) e para que os Mestres Espirituais – sejam os jungidos à própria pessoa que realiza o Culto ou a seus familiares, sejam os ligados a instituições a que se vincule – possam-se fazer presentes, porquanto, sendo personalidades muito ocupadas, precisam do horário definido, a fim de que se programem a comparecer, oferecendo sua misericordiosa assistência. Mais detalhes sobre como realizar um Culto do Evangelho encontram-se em nosso próprio acervo do site – nossos atendentes nas palestras de domingos também podem orientá-lo(a), dirimindo-lhe alguma dúvida.

5) Colaborar com o que esteja em seu alcance, pela expansão das nossas ideias salvadoras e libertadoras de toda a canga de vícios, preconceitos e atavismos que prendem criaturas e comunidades inteiras a convenções cristalizadas e noções errôneas sobre a vida e a Espiritualidade. Alguém fá-lo-á de viva voz; outrem repassará nossas mensagens do site para suas redes sociais da internet; aquel’outro trabalhará diretamente na panfletagem nas ruas; mais este far-se-á patrocinador (viabilizando, pelos grandes meios de comunicação de massa, a dilatação de alcance da Obra de Maria Santíssima, sob nossa tutela); mais aquela devotar-se-á a serviços sociais no nosso Núcleo de assistência médico-odontológico-pedagógico-alimentar, de atendimento gratuito, em todos os seus níveis, na Comunidade Santa Maria, em Aracaju (o que consideramos tão importante quanto os outros movimentos); e alguém ainda fará um apanhado de algumas ou de todas estas iniciativas, levando-as a sério, como compromisso pessoal e espiritual com o Domínio Excelso de Vida, com a Comunidade das Mães e Pais do Céu, com a Trindade dos Cristos Jesus, Maria e Gabriel.

Pois bem, em poucas linhas (e apenas cinco tópicos), eis o que é necessário para garantir a ligação com nossa Casa, com segurança e harmonia sólidas.

Abrir uma filial da Instituição na própria cidade ou providenciar novos canais de televisão a transmitirem o programa são realizações que levam a pessoa a se pôr à altura de sócia dos Mestres Espirituais da Organização, como o são os grandes patrocinadores de nosso Instituto, mas não constituem movimentos obrigatórios, como também não é obrigatória a presença em nossas reuniões mediúnicas, sejam as de cura e desobsessão, sejam as de quintas-solenes, sejam as denominadas de “Jornadas Holísticas” (estas duas últimas submetidas a contribuição monetária, à entrada, para a manutenção da parte material da Instituição), que podem ou não ser integradas aos hábitos ou iniciativas pessoais de um salto-quantista mais devoto, muito embora sejam justamente elas três que constituam, em consórcio com a palestra domingueira e os grupos de estudos das quartas-feiras, o meio de se assegurar a Proteção Extraordinária que Maria Santíssima concedeu em Título de Graça Excepcional à nossa Casa. Inobstantes não serem obrigatórias, tais práticas consistem em um aditivo de méritos diante do Plano Sublime, o que revela um nível maior de comprometimento com Nossa Causa e implica, necessariamente, uma maior segurança na permanência em nossas hostes de trabalhadores do Bem. E, lembremos: para os que não participam das reuniões mediúnicas semanais (gratuitas), não haverá, em contrapartida, a Cobertura Completa da Mãe Maior da Humanidade, atestada em diversas postagens do ícone “Curas e Salvamentos Extraordinários” (da coluna direita da interface de nosso site).

Mãe e Professora limitada, mas me melhorando progressivamente, para melhor poder servi-los,

Eugênia de Mileto Soubirous,
Aracaju, final da madrugada de 3 de dezembro de 2010.


Ajude a santa e sábia Mestra Espiritual Eugênia e Seus Amigos igualmente Mestres Desencarnados a disseminarem Suas ideias de sabedoria e amor, e, com isso, tornarem o nosso mundo mais feliz e pacífico. Basta que encaminhe este arquivo a sua rede de e-mails. Para tanto, utilize a ferramenta abaixo, com os dizeres: “Envie esta mensagem para seus amigos”.

Se você está fora de Sergipe, pode assistir à palestra de Benjamin de Aguiar, ao vivo, aqui mesmo, pelo nosso site, mediante uma colaboração simbólica, destinada à manutenção dos equipamentos utilizados na transmissão via internet. Para acessar-nos, basta que venha até cá, às 19h30 de domingos, horário de Aracaju (20h30, no de Brasília), e siga as instruções aqui dispostas no próprio domingo, em postagem específica. (Lembramos que a entrada, para quem quiser assistir presencialmente, é gratuita.)





Cadastre-se e receba mensagens por e-mail: