Combatendo preconceitos - Focando o respeito

24 de agosto de 2010
 

Pré-Santas e Proto-Gênios Celestes.

http://www.saltoquantico.com.br/wp-content/imagens/sao_sebastiao.jpg

(Gravura clássica representativa do martírio de São Sebastião. Normalmente incompreendidas, pelas mentes que lhes são refratárias, as almas muito adiantadas, em relação à média do ambiente em que foram inseridas a viver, sofrem toda ordem de ataques injustos e ingratos – reais, e não os imaginários, na base escapista dos complexos de vítima dos neuróticos –, tratadas como marginais… Ironicamente, são, de fato, marginais, por estarem fora dos padrões psicomorais prevalentes em sua época de encarnados, mas no sentido da borda de cima da linha evolutiva da média planetária, e não na margem inferior dessa linha simbólica, constituída por criminosos, com quem, todavia, esses seres de luminífera condição espiritual são amiúde, lastimavelmente, confundidos, como século sobre século vem ocorrendo com espíritos à frente de seu tempo, na inteligência e, principalmente, nos sentimentos, valores e ideais, com que pautaram suas gloriosas, embora muitas vezes curtas, existências físicas.)

Benjamin de Aguiar
pelo
Espírito Anacleto.

Cuidado para não demonizar figuras nobres, nem idealizar indivíduos problemáticos. Entre a monstruosidade da mente criminosa e a pureza impoluta da alma santificada, há uma escala infinita de gradações evolutivas – e a Terra é um planeta particularmente rico em demonstrar o quanto a hierarquia espiritual é variada e complexa.

É por se não enxergar com clareza e às vezes não se divisar quase nada da extensão do espectro de níveis evolutivos existentes, que soa pouco crível haver “Espíritos Superiores” encarnados no Globo, visto que, ao ouvir expressões como essa, logo o populacho ignorante e preconceituoso busca a aura das almas inteiramente redimidas.

Pela mesma falha crassa de profundidade e perspicácia, na observação e análise de personalidades, parte-se à condenação imediata de pessoas bem-intencionadas e desenvolvidas psicomoralmente, mas ainda portadoras de neuroses a resolver, principalmente as não admitidas para si mesmas, conscientemente, que explodem nos famosos fenômenos da “insurreição da sombra psicológica”, levando-as a parecerem e de fato se mostrarem contraditórias, ante seus princípios e funções assumidas publicamente, o que muito fomenta o cinismo pessimista, bem em vigor na atualidade terrestre, de julgar que todos são movidos por interesses rasteiros e que quem parece ser idealista é hipócrita.

Saia deste lugar-comum da estultícia do prejulgamento, quiçá adquirindo pesados débitos na injustiça que cometa, com almas de escol encarnadas nas suas circunvizinhanças. O simples fato de ligar-se a um corpo de carne embota as Luzes das mais excelsas Entidades que já aportaram no orbe – basta lembrarmos como o Cristo foi atacado e desacreditado por seus contemporâneos, inobstante todos os prodígios extraordinários que gerava.

Evidentemente que os Grandes Enviados não são numerosos. Mas se o(a) amigo(a) quiser umas pistas de quem são eles, para não andar assumindo carma grave à toa, e deles poder se aproximar, a fim de aprender e crescer, e, quem sabe(?), até colaborar com suas tarefas de vulto para o bem geral: (1) não se enquadram nas convenções sociais (necessariamente: porque eles descem à Terra justamente para as renovar, por representarem sistemas de valores e organização social que não existem ainda, no domínio físico de vida; isto é, por serem, estando à frente do vulgo, agentes evolutivos das comunidades humanas onde se inserem, pela reencarnação), (2) muito menos ostentam a aparência clássica de virtude e santidade, à base da mansuetude estudada e da fala politicamente correta dos astutos no jogo das aparências sociais (uma desonestidade bem difundida nos meios religiosos), e (3) demonstram, além disso, inteligência nitidamente acima do normal, trabalhando (4 – eis o principal indício) para o bem comum, com responsabilidade e devotamento, em níveis não raro sacrificiais, durante toda sua vida adulta, amiúde desde quase a saída da infância, até a senectude avançada.

Você pode estar se acotovelando com pré-santas e proto-gênios celestes, sem se dar conta, exigindo-lhes a aura de infalibilidade e observando-os com desdém, quando talvez (e muito frequentemente) os que assim agem são muito (mas realmente muito) inferiores, na escala evolutiva, em relação a quem condenam, pelo simples fato de que posturas discriminatórias e simplistas, por inerência, pecam pela ausência aguda de conhecimento quanto às intrincadas peças e redes de conceitos, sentimentos e valores que movem a mente e a conduta dos seres mais velhos, encarnados na Terra, a serviço das coletividades.

(Texto recebido em 23 de agosto de 2010.)


Ajude a santa e sábia Mestra Espiritual Eugênia e Seus Amigos igualmente Mestres Desencarnados a disseminarem Suas ideias de sabedoria e amor, e, com isso, tornarem o nosso mundo mais feliz e pacífico. Basta que encaminhe este arquivo a sua rede de e-mails. Para tanto, utilize a ferramenta abaixo, com os dizeres: “Envie esta mensagem para seus amigos”.

Se você está fora de Sergipe, pode assistir à palestra de Benjamin de Aguiar, ao vivo, aqui mesmo, pelo nosso site, mediante uma colaboração simbólica, destinada à manutenção dos equipamentos utilizados na transmissão via internet. Para acessar-nos, basta que venha até cá, às 19h30 de domingos, horário de Aracaju (atualmente alinhado com o de Brasília), e siga as instruções aqui dispostas no próprio domingo, em postagem específica. (Lembramos que a entrada, para quem quiser assistir presencialmente, é gratuita.)




Cadastre-se e receba mensagens por e-mail: