Espírito Eugênia-Aspásia

8 de março de 2010
 

50 Dados Desconhecidos do Médium, numa Única Mensagem Psicografada – Testemunho de Maisa Marante, no programa Salto Quântico de 27 de fevereiro de 2010.

[Instruções para execução do vídeo:

Dê preferência a baixar este arquivo em seu computador, em vez de executá-lo diretamente no site, para evitar interrupções e intermitências na reprodução, em função de falhas da conexão com a internet ou mesmo de sobrecarga de buscas simultâneas em nosso sítio eletrônico. As instruções para fazê-lo seguem-se no próximo parágrafo:

Caso não seja possível a execução do vídeo dentro do seu navegador de internet, sugerimos o download do mesmo, para que ele seja reproduzido a partir de seu computador. O tempo de download é equivalente ao necessário para carregá-lo completamente aqui em nosso site. Para tanto, clique com o botão direito na imagem acima, selecione a opção “Salvar destino como” (ou “Salvar URL como”, ou ainda “Salvar link como”), defina onde o vídeo deverá ser salvo e aguarde até que o download se complete.
O programa necessário para a execução do arquivo em seu computador é o VLC, que pode ser obtido gratuitamente clicando-se aqui.
Se porventura ocorrer alguma falha no download, esse problema pode ser solucionado com a utilização de um gerenciador de downloads, como o Download Accelerator Plus ou o Orbit, ambos gratuitos.

Equipe Salto Quântico.]

Benjamin Teixeira
pelo
Espírito Eugênia.

Gostaria que o amigo digitasse algumas breves linhas para Maisa, em meu nome. Diga a ela que não se preocupe com relação a (…) (*1). Ele hoje deu um piripaque… ou o que seria uma ameaça de piripaque (*2). Está apenas sendo muito dengoso com a (…) amada, de quem recebe nutrientes psíquicos de piedade, um viciado que parasita as deliciosas energias de “pena” da (…) (risos). Ele não está em situação tão grave de saúde, como deseja parecer e crer estar. Apenas não dispensa cuidados, de fato – e isso já foi dito, comprovado e reforçado em inúmeras ocasiões anteriores. A tal cena a que aludimos aconteceu hoje (*3), à altura do almoço (*4), deixando minha menina-moça muito apreensiva (*5). Diga que se tranquilize completamente. Que o vigie nos procedimentos de contacto com exames clínicos e consultas médicas, e o tempo se encarregará de desanuviar as concentrações de maus augúrios sobre a cabeça de (…).

Desejaria aditar outro item. É que nossa amiga nos tem pedido a honra da inspiração (*6), em quesitos atinentes ao delineamento de prioridades na agenda (*7), no calendário de prioridades (*8). Hoje este padrão de solicitação se fez particularmente presente (*9), nas suas orações e meditações (*10) matinais (*11). Diga-lhe que estou muito satisfeita por contar com sua ajuda, na disponibilidade a nos captar as sugestões; que a inspiração virá (como já lhe tem sempre advindo), pela câmara secreta de seu coração, pela voz de sua consciência; que não é necessária nenhuma forma superior de sintonia [conforme supunha, intimamente (*12) – e nos pediu gerássemos, se possível, um correio mais objetivo e direto de orientações (*13) sobre o melhor a fazer, sobre o que quereríamos que ela fizesse (*14)] e que, de minha parte, estou feliz com as suas estipulações de prazo e de prioridades nas tarefas e compromissos da Casa – outra questão-pergunta que ela nos apresentou (*15).

Para encerrar, meus parabéns pelo ato hercúleo de paciência renovada com (…) (*16), que a expôs a nova maratona de fala (*17) caótica (*18) e longa (*19), desagradável (*20) e “sem sentido” (*21), ontem à noite (*22), recebendo dela (Maisa), desta vez, paciência (*23), acolhimento (*24), perdão (*25) e compreensão (*26), e menos condução assertiva (*27), como lhe ocorreu na outra ocasião – postura que lhe havíamos parabenizado, por sinal. A questão é que nossa amiga, mais tarde (*28), em seu exame de consciência (*29), no seu culto do Evangelho (*30) encerrando o dia (*31), no início da madrugada, para sermos mais precisa, interrogou-nos, intimamente (*32), se não havia errado, nesta ocasião (*33), por ter invertido a metodologia-estilo da abordagem (*34). Mas a querida amiga seguiu corretamente a intuição. O Fluxo lhe pedia, no tal momento de ontem, com (…), que fosse receptiva, que lhe demonstrasse atenção e respeito, cuidado e afeto. Não podemos estabelecer fórmulas prontas para aplicar a situações que são “vivas”, que se modificam a cada hora, que exigem uma abordagem original, única, sem quaisquer ordens de linearidade ou automatismo que constituem, no campo dos relacionamentos interpessoais, pesados óbices-fatores-complicadores de problemas, fazendo-se, assim, não só improdutivos, como contraproducentes.

Não acredito que esteja errada por pular alguns dias para a escrita sob inspiração (*35), qual aconteceu nesta semana (*36), e mesmo ontem, que seria um dia para isso (*37), e a amiga, mesmo possuindo, em tese, tempo e condições para fazê-lo (*38), não o fez (*39). A necessidade tático-evolutiva, neste novo período de aprendizados, nesta nova fase de crescimento, não envolve tão directamente a escrita por inspiração, como foi em outra época – conforme lhe dissemos por aqueles dias. Logo, quanto a esta periodicidade de alternância de dias [como já nos pediu respondêssemos (*40), várias vezes (*41), nos últimos meses (*42), e hoje (*43), pela manhã (*44), mais uma vez nos indagou (*45) se poderia ser modificada (*46), no sentido de suavizada (*47)], sem dúvida, pode e deve ser alterada, para, digamos: duas vezes na semana, periodicidade esta que, por intuição, já lhe foi passada (*48), mais de uma vez (*49), nestes meses em que nos dirige este consulta específica (*50), não é verdade?

Que Nosso Senhor Jesus e Nossa Mãe Maria Santíssima a cubram com Suas bênçãos de paz e inspiração, em todos os sentidos.

Sua professora e mãe
Eugênia de Mileto Soubirous.

Aracaju, 25 de fevereiro de 2010.


Ajude a santa e sábia mestra espiritual Eugênia a disseminar Suas ideias de sabedoria e amor; e, com isso, tornar o nosso mundo mais feliz e pacífico. Basta que encaminhe este arquivo a sua rede de e-mails. Para tanto, utilize a ferramenta abaixo, com os dizeres: “Envie esta mensagem para seus amigos”.




Cadastre-se e receba mensagens por e-mail: