Espírito Eugênia-Aspásia

19 de junho de 2008
 

Na Hora do Aturdimento.

Benjamin Teixeira
pelo espírito
Eugênia.

Seus olhos estão secos – a lágrima que você verteria permanece estática, congelada no imo da alma, cristalizada como uma estalactite de frustração e tristeza que se confunde com as paisagens interiores do espírito.

Você olha, com olhar convertido em lâmina de desgosto, o panorama dantes luzidio e luxuriante transfundido em um mar de cinzas, sem espaço para muitas esperanças.

Você suspira fundo, como que sufocado por si mesmo, asfixiado pela própria sensação de desvalia, sem saber para que ou para quem apelar.

Em resumo, você se sente muito mal.

Antes, porém, de emitir qualquer juízo de valor intempestivo, pense no quanto pode você acertar e vir a ser feliz, se, simplesmente, persistir. É claro que os bons momentos são maravilhosos, mas eles não podem ser contínuos. Então, tolere, com naturalidade, aqueles instantes menos felizes, qual se fossem pedágios para que ingresse nos territórios da paz e da ventura.

Cuidado para não buscar refúgio nas saídas fáceis da cessão à tentação. Mantenha imorredoura e inquestionável fidelidade a seus princípios, enquanto os tiver como fonte de verdade e de bem. Aguarde, com paciência, que passe o momento nefasto da dúvida, do medo, do desânimo e da angústia, para que possa, então, munido de melhores recursos de lucidez, chegar, também, a conclusões mais seguras e percucientes sobre o em torno de que reflexiona.

Você tem medo de errar e não sabe para onde ir. Que tal, simplesmente, como sugerimos, aguardar? Você não conhece o conteúdo de oportunidades que virá na embalagem dos próximos minutos. Mas aguarde de forma correta: espera ativa, espera com responsabilidade, no aproveitamento de cada singelo ensejo de crescimento, realização e serviço.

Agindo assim, agindo com calma, agindo com Deus – auscultando sua consciência e fazendo todo o bem que esteja a seu alcance –, tenha certeza: estará no caminho certo, tendo garantida uma boa resolução para suas pendengas com a vida.

(Texto recebido em 4 de julho de 2000. Revisão atual de Delano Mothé.)

Convite:

Por que a liberação gay teria efeitos positivos sobre os heterossexuais? Onde a mediunidade ou a paranormalidade se converte em força do mal ou bruxaria, e como se mantém como potência a serviço do Céu, na Terra? E mais: assédio sexual, racismo, preconceitos ecológicos (O que é “especismo”?), entre outros temas altamente polêmicos e palpitantes. Onde e como definir a fronteira entre o certo e o errado, a vanguarda e a degradação, a modernidade e o desequilíbrio? O que é ser clássico, em meio a tantos relativismos? Ilustrações interessantíssimas, o pensamento de Allan Kardec e do Cristo, a respeito das delicadas e controversas temáticas que tanto traduzem os desafios da atualidade. No final, a fala do santo e sábio espírito Eugênia, em incorporação completa (e impressionante), através do conferencista-médium Benjamin Teixeira. Venha assistir à palestra semanal de nosso líder encarnado, às 19h de domingo. Evento beneficente. Endereço e ingresso: (0xx79) 3041-4405.

Equipe Salto Quântico.




Cadastre-se e receba mensagens por e-mail: