Espírito Eugênia-Aspásia

19 de julho de 2007
 

Sopros de Sabedoria – 81.

(Correria da vida moderna, ansiedade, ambição e felicidade.)

Benjamin Teixeira
pelo espírito
Eugênia.


Para que correr tanto? Para que adquirir mais dinheiro, poder ou prestígio? Responda-me com franqueza: isso o torna mais feliz, mais tranqüilo, mais realizado?

Viva o amor pelos seus entes queridos, a bondade com quem merece e precisa, a caridade com estranhos ou adversários, a gentileza com todos. Siga sua vocação, ainda que apenas nas horas vagas. Utilize seu tempo livre para meditar, orar, estudar. Aprenda o quanto puder, não adie seus sonhos, dedique-se a um ideal humanitário ou filantrópico, torne-se hoje a pessoa que almeja ser amanhã.

Mas tudo isso, sem pretensões, sem ansiedades, sem medos, sem raivas: ponha seu ego de fora. O ego é mau conselheiro, vampiro da alegria, assassino das melhores intenções.

Coloque, em primeiro plano, sempre – disse: sempre –, o seu coração! Onde houver amor, sem intenções sub-reptícias de ganho pessoal, há Deus. Onde não há amor, não há vida, não há sentido, não há nada(!), a não ser angústia, decepção, desespero e morte!…

(Texto psicografado em 18 de julho de 2007. Revisão de Delano Mothé.)




Cadastre-se e receba mensagens por e-mail: