Espírito Temístocles

16 de abril de 2007
 

Atendo-se ao Essencial.

(Como o universo pode não ser perigoso e trágico.)


Benjamin Teixeira
pelo espírito
Temístocles.

Seu corpo pode ser jovem – mas vai envelhecer e se decompor.

Sua fortuna pode ser grande – mas pode se esfumaçar numa crise financeira, a qualquer hora, e certamente ficará no plano físico, quando você partir daí.

Sua inteligência e cultura podem ser luminosas – mas um AVC ou um traumatismo craniano podem eclipsá-las completamente, ou uma encarnação em organismo deficiente, embotá-las de todo.

Até os entes queridos, mesmo os mais amados e que entreteçam, com você, os laços mais sagrados da família, estão sujeitos a separação inesperada e duradoura, pelo mecanismo do decesso carnal ou por reencarnações em separado.

Só uma coisa é permanente, só um bem é inalienável, só uma certeza pode acompanhá-lo, em toda parte: sua conexão e sua relação com Deus, que tudo mais condicionarão em torno de si.

Tudo passa, amigo – só não o bem que se faz; o amor que se doa; o serviço que se realiza, em nome de um ideal; a devoção ao Criador que o engrandece, em direção d’Ele.

Faça sua cirurgia plástica e vá à academia de ginástica; administre, com critério, seus recursos financeiros; desenvolva e invista, em suas aptidões intelectuais e em aquisição de mais conhecimento; trabalhe suas relações e cuide dos que lhe são caros, com amor – tudo isto indica, inclusive, responsabilidade e mesmo maturidade psicológica e espiritual. Todavia, que nada disto lhe constitua o motivo de viver, o centro de suas preocupações, a meta e prioridade de sua alma, porque, sem a construção sólida do mundo de si mesmo, independentemente de realidades externas, o universo exterior ser-lhe-á sempre um lugar perigoso, onde eventos trágicos podem acontecer a qualquer e a todo tempo…

(Texto recebido em 15 de abril de 2007. Revisão de Delano Mothé.)




Cadastre-se e receba mensagens por e-mail: