Espírito Matheus-Anacleto

17 de janeiro de 2002
 

Máximas de Anacleto – X.

Benjamin Teixeira
pelo espírito
Anacleto.

A besta não está fora: está dentro de você.

Amiúde, procuram-se bodes expiatórios – os culpados de todas as ordens –, sempre fora, nunca dentro do próprio indivíduo. Sentir-se vítima é a arma dos covardes, dos infantes e dos demônios.

Se quer realmente resolver sua vida, assuma inteiramente responsabilidade por tudo que lhe aconteça e aja no sentido de corrigir o que percebe de errado. Qualquer outra atitude, seja pelos caminhos da autopunição ou da fuga, seja pela via da indiferença cínica às consequências dos próprios atos, será, necessariamente, criminosa.

Olhe a natureza e verá… Criatura alguma está preocupada, no reino animal, em descobrir culpados. Todas se mobilizam em função da perpetuação da vida. Observe o mundo angélico e notará… Lá, nenhum ser está interessado em descobrir réus, mas em ensejar transformações, rumo à perfeita felicidade.

(Texto recebido em 16 de janeiro de 2002.)




Cadastre-se e receba mensagens por e-mail: